Vamos falar um pouco sobre Hepatite B?

Julho Amarelo é o mês de conscientização, prevenção e controle das hepatites virais. Vamos falar um pouco sobre a Hepatite B?

Hepatite B

Para começar, precisamos falar um pouco sobre as hepatites no geral. Elas causam uma degeneração do fígado por causas diversas, e as mais frequentes são causadas pelos vírus A, B e C, além do consumo de álcool ou outras substâncias tóxicas (como alguns remédios, por exemplo). 

As hepatites são: 

  • Hepatite A
  • Hepatite B
  • Hepatite C
  • Hepatite alcoólica
  • Hepatite medicamentosa
  • Hepatite autoimune. 

Hepatite B

A Hepatite B é causada pelo vírus B (HBV) que acarreta inflamação no fígado. É uma doença infecciosa e está presente no sangue, no esperma e no leite materno. É considerada uma infecção sexualmente transmissível. 

Tipos

Existem duas fases evolutivas da Hepatite B. São elas:

Fase Aguda: 

Essa fase pode durar até seis meses. O sistema imunológico do corpo é bastante capaz de se defender contra a hepatite B aguda, o que provavelmente fará com que você se recupere completamente dentro de seis meses. Outra notícia boa é que a maioria das pessoas adultas que se contaminam com esse vírus não desenvolvem sintomas nessa fase da doença.

Fase crônica: 

Essa fase pode durar anos ou a vida toda da pessoa que não conseguiu eliminar o vírus HBV nos seis meses iniciais da doença, ou seja, na fase aguda. Isso ocorre quando o sistema imunológico do paciente não consegue combater a infecção. Pode levar à cirrose do fígado e ao câncer de fígado. 

Causas

A hepatite B é causada pelo vírus B (HBV). Quando entra em contato com organismo humano, o vírus ataca as células do fígado, começando a se multiplicar. As formas de transmissão do vírus são: sexual, sanguínea e vertical (ou seja, de mãe para filho durante a gestação, parto e amamentação).

A hepatite B é considerada uma IST, infecção sexualmente transmissível, pois pode ser transmitida pelo contato com sêmen, saliva e secreções durante relação sexual desprotegida. 

Sintomas

Geralmente, os sintomas surgem cerca de 40 dias depois do contato com o vírus. Os principais são:

  • Dor abdominal
  • Urina escura
  • Febre
  • Dor nas articulações
  • Perda de apetite
  • Náusea e vômitos
  • Fraqueza e fadiga
  • Amarelamento da pele

Tratamento

Se você sabe que foi infectado pelo vírus VHB, contate imediatamente seu médico. Receber uma vacina contra a hepatite B e uma injeção de imunoglobulina em até 72 horas após o contágio, pode evitar que você desenvolva a doença.

Se a doença se instalar, é hora de cuidar para que ela não evolua para quadros mais graves. São cuidados diferentes nas duas fases. Vamos ver?

Fase aguda da Hepatite B:

Nessa fase inicial, não existe um tratamento específico. Você pode tomar medicamentos para reduzir quaisquer sintomas que possa se manifestar. 

Fase crônica da Hepatite B:

Nessa fase da doença, é preciso estabelecer um tratamento específico. 

  • Medicamentos antivirais: O seu médico recomendará o uso de medicamentos que impedirá que o vírus VHB cause maiores danos ao fígado. 
  • Nos casos mais avançados, pode ser necessária a realização de um transplante de fígado. 

A boa notícia é que o prognóstico para hepatite B aguda é animador! Em média, 99% dos pacientes diagnosticados se recuperam da doença. 

Deixe uma resposta